Thursday, June 14, 2018

Fisioterapia tem que ser todos os dias?

Ultimamente tenho decidido como profissional que não precisamos de fisioterapia traumato-ortopédica todos os dias. Parece com atendimento de plano de saúde que o repasse é insuficiente então os donos de clínicas e consultórios precisam de quantidade, enchendo a agenda do paciente de gelo, calor e aparelhos. Concordo que a depender da fase da lesão, gelo, calor e aparelhos são necessários para diminuir a inflamação, edemas etc. Porém eles não atuam na causa do que levou a lesão ou na restauração do movimento necessária ao paciente. Recebo paciente no meu consultório que passaram 30 sessões de fisioterapia somente com aparelhos, agravando a amplitude de movimente perdida devido a lesão e/ou cirurgia.

Crioterapia

Como eu faço na minha rotina? Fisioterapia no máximo 3 vezes por semana. 2 vezes é o meu habitual. Mas preciso da cooperação do paciente para dar continuidade ao tratamento em casa. Em casa podem ser realizados alongamentos, compressas mornas, gelo e até tens (tenho uns aparelhinhos portáteis que deixo com os pacientes). Sem a cooperação do paciente, essa formula não funciona. O fisioterapeuta tem que ser mais do que aparelhinhos, tem que colocar as mãos nos pacientes. Tem que orientar, conhecer bem seu paciente, seja fisicamente como psicologicamente para entender como funciona o mecanismo de dor e lesão individual de cada um.

Alongamento

Existe também o viés da ansiedade das pessoas em querer resolver rapidamente. Cada corpo reage de uma forma. Não existe protocolo. E tem a influência externa, como mudança de clima, estresse, excesso de analgésicos e antiinflamatórios que mascaram a sintomatologia... então o número de sessões de fisioterapia não podem ser determinadas previamente. Quanto mais cooperação e interação entre o fisioterapeuta e o paciente mais rápido será a recuperação. 

Dra Cristiane Cavalcante
Fisioterapeuta